terça-feira, 19 de junho de 2012

A Estagiária



A Estagiária
Márcio Chacon

        A sala estava lotada de gente. Os funcionários se espremiam nas paredes com seus pratos plásticos esperando uma fatia do tão disputado bolo de aniversário. O serviço iria ser paralisado por cerca de 30 minutos... Um intervalo irrelevante afinal era o aniversário do chefe. Homem bom, diga-se de passagem. Sujeito sério e de poucas palavras, mas dono de um coração grande. Tempos atrás vencera uma forte disputa contra homens que agora estavam ali alegres e o felicitando. Em poucos minutos a secretária ingressou na sala trazendo o bolo sendo seguida pela nova estagiária que trazia as bebidas. O chefe então fez um comentário sobre a roupa nova de sua secretária e gerou a risada de todos com exceção da compenetrada estagiária que enchia os copos dos convidados de maneira cirúrgica. Após o bolo estar todo nas mãos dos funcionários foi a vez da estagiária entrar em ação e servir suco e refrigerante a todos na sala... Em especial ao aniversariante do dia. Antes de saciar a sede aquele homem pensou em algo bacana para dizer a seus funcionários... Algo digno de um líder para seus subornados. Estava prestes a realizar um grande discurso quando sua secretária esbarrou sem querer nas suas costas fazendo-o derramar sua bebida em cima da pobre estagiária. Por alguns segundos todos ficaram sérios esperando o pedido de desculpas do seu chefe todo sem graça. Ele fez questão de ajudá-la a secar sua blusa e ainda brincou dizendo que iria aumentar o valor do seu salário para comprar roupas novas. Outras piadas foram surgindo e aos poucos o incidente foi passando despercebido. Todos na sala riam sem parar... Principalmente a precavida estagiária que havia guardado bastante veneno e teria muitas outras oportunidades para matar seu chefe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário